Expansão ou Formatação de franquia

Expansão de Franquias

O objetivo deste trabalho é otimizar e profissionalizar a expansão de franquia, por meio de processos claros e bem definidos, com profissionais experientes na área, poupando o investimento de recursos por parte da Franqueadora em grandes equipes de expansão, dando suporte ou mesmo substituindo toda a área. Atuamos a partir do lead gerado pela empresa (candidato interessado), até sua validação final com entrega de dossiê descritivo. Entregas:


• Avaliação e sugestões de otimização do processo seletivo e planos da área de expansão
• Recebimento e triagem das fichas de candidatos interessados
• Agendamento e realização de entrevistas
• Avaliação de candidatos
• Composição e entrega de laudo individual por candidato aprovado, com descrição de todas as etapas do processo seletivo.
• Relatórios quinzenais de status de todos os candidatos.


Este trabalho é realizado através de consultoria contínua, e cobrado em duas etapas:

• Fee contínuo
• Comissão sobre o valor de venda da franquia

Formatação de Franquia

O objetivo da Formatação de Franquia é avaliar a potencialidade dos negócios para a expansão por meio de franquias, e estruturar a Franqueadora para tal realização. Etapas do trabalho:

• Business plan para construção do negócio franquia
   ○ Avaliação do mercado
   ○ Avaliação da operação
   ○ Avaliação de viabilidade financeira
• Manuais da operação
• Plano de expansão
• Processo seletivo
• Estratégia de comunicação e venda


Este trabalho é realizado pontualmente, em projeto com duração aproximada de 8 meses. Caso na primeira fase (Business Plan), avaliemos o negócio como não favorável a franquiar, o projeto é encerrado neste ponto.

Toda boa ideia tem grande chance de se tornar um ótimo negócio, desde que seja feito um bom Plano de Negócios, que este seja bem executado e que correções sejam feitas o mais rápido possível, visando sustentabilidade e maximização dos resultados.

A estatística brasileira mostra uma dura realidade quando apresenta seus números. Cerca de 45% das micro e pequenas empresas fecham suas portas em até 2 anos de atividade. E esse número cresce para 60% até os 5 anos. Muitas falências poderiam ter sido evitadas com bons planejamentos e acompanhamento.

Do outro lado, muitos negócios se mostram atrativos. E mais do que isso, um modelo que pode ser replicável. E o novo empresário que estaria disposto a pagar, com parte de seu resultado, por uma marca já consolidada, por uma metodologia já desenvolvida e testada, treinamentos de reciclagem e um acompanhamento periódico.

É aí que entram as Franquias.

Por que chamar a Blue Numbers para formatar a minha franquia?

A Blue Numbers Consultoria tem uma grande experiência na gestão de franquias, atuando desde a sua fundação como consultoria tanto para franqueadoras, quanto franqueados.

Por essa experiência, a Blue Numbers foi convidada a escrever artigos para o Portal da ABF e seus consultores foram chamados para ministrar os cursos oferecidos aos empresários que desejam formatar seus negócios, transformando-os em Franquias.

Dentre os seus clientes estão: Boticário, Arezzo, Nutty Bavarian, Jacques Janine, Não+Pelo, Havanna,Grupo Afeet, Supervisão, Guess, Weleda, Rudnik, Bob´s, Big X Picanha, Seletti, Centro Britânico, Água de Cheiro, Malwee, NR Intercâmbio, Studio Pilates, Grand Cru, Academia do Rock, Flamy, entre outros.

Como é feito o trabalho de Formatação de Franquia com a Blue Numbers?

Costumamos fasear o trabalho, a fim de deixar ainda mais transparente para o cliente. O que adianta desenvolver todo um projeto e o final verificar que não é um bom negócio a ser franqueado?

Por esse motivo, a primeira etapa consiste em desenvolver um bom plano de negócios e montar um estudo de viabilidade econômico financeira, com o olhar do franqueado e da franqueadora. Ambos necessitam “para de pé”. Nessa fase, costumamos repensr o negócio visando ser atrativo para ambas as partes.

Fase 1

Plano de negócios e estudo de viabilidade
Nesta fase é feito um estudo que avalia o mercado e a empresa em seu estágio atual, objetivando conhecer se é recomendável utilizar o sistema de franquias para a expansão da marca e distribuição dos seus produtos e serviços.
Sendo o modelo mais adequado a ser desenvolvido, é definido o modelo de franquia e os padrões a serem adotados, são levantados os investimentos necessários à sua implantação e projetados os resultados desta operação.
Define-se nesta etapa, com base nos resultados obtidos, o prazo de retorno para o capital investido (Payback), as taxas iniciais de franquia, dos royalties, fundo de propaganda e demais taxas a serem cobradas dos franqueados.

Fase 2

O modelo de negócios deverá se mostrar viável para que iniciemos a Fase 2. Caso contrário, o projeto é abortado e o empresário não terá que arcar com o investimento total do projeto.
Mostrando-se atraente, iniciamos a Fase 2 do projeto, onde estes dados serão fundamentais para a definição do perfil do candidato a franquia, plano de expansão e estratégia de abertura das unidades. Além disso é definida a estrutura da franqueadora para a gestão do sistema e oferecimento de suporte à rede. Ainda nessa fase, serão confeccionados os Instrumentos jurídicos.
Esses documentos são redigidos de acordo com o que determina a Lei 8.955/94, como a Circular de Oferta de Franquia (COF), o Pré-contrato e Contrato e as características de cada franquia.

Manualização
Em seguida serão estruturados os manuais da franquia, tanto os que orientarão os franqueados, quanto os que nortearão os trabalhos a serem executados pela equipe da franqueadora. Aqui será detalhado o projeto arquitetônico e de decoração, serão mapeados os processos, definido o sistema de gestão e tudo o que será objeto de treinamento e de padronização dentro da rede.
Caso ainda não tenha sido feito, é recomendável que esse modelo seja testado em uma unidades-piloto, para que sejam reproduzidas as condições que serão enfrentadas pelos franqueados no dia a dia da operação e para que sejam feitos os ajustes necessários ao modelo.

A franqueadora
Erram aqueles que acreditam ser possível implantar uma rede de franquias valendo-se dos recursos que serão captados com a venda das primeiras unidades. Até a rede atingir seu ponto de equilíbrio, será exigida uma sólida capacidade financeira da empresa franqueadora, sem que ela possa contar unicamente com os recursos advindos das unidades franqueadas. Por isso, deve-se avaliar o custo de implantação do Plano de Expansão da franquia, ter uma cuidadosa avaliação da projeção dos resultados e do prazo para o retorno do capital que será investido.
É aconselhável que o franqueador tenha capital próprio para suportar o investimento nas primeiras unidades e que comece a expansão partindo de uma rede regional para depois atingir outros mercados.
O franqueador precisa estar pronto para dar suporte aos franqueados e, se houver necessidade e for estrategicamente recomendável, até mesmo recomprar uma unidade cujo franqueado queira sair da rede ou cujo contrato tenha sido cancelado.

Quanto tempo leva para formatar uma franquia?

Um projeto de formatação de franquia, na Blue Numbers, leva de 4 a 6 meses, pois queremos garantir que toda a estratégia tenha sido pensada, que todos os processos estejam bem amarrados.

Algumas consultorias prometem entregar um projeto de tamanha importância em menos tempo. Mas acreditamos ser bastante arriscado tanto em possíveis penalidades jurídicas futuras, quanto investimento feito.

Quanto custa formatar uma franquia?

A Blue Numbers trabalho com 2 modelos de negócio de formatação, o “Pocket” e o “Full”, onde o primeiro só inclui o manual de operações. Já o modelo “Full” é completo e sai com todos os manuais.

Apesar disso, imaginamos que para modelos menos complexos, podemos iniciar com o “Pocket” e tornar o projeto viável, pelo seu baixo investimento. Esse é, sem dúvida, um grande diferencial da Blue Numbers frente os seus concorrentes.